Palestra sobre Biossegurança na seccional da APCD - Ribeirão Preto

“Uma Nova Visão da Biossegurança em Centros de Esterilização e Consultórios”

Em parceria com a APCD-RP e Woson Latam, e ministrada pelo Professor de Periodontia e Implantodontia, Dr. Sérgio Narciso Marques de Lima, na Sede da APCD, em Ribeirão Preto, no dia 26 de setembro de 2018, foi prestigiada por dezenas de cirurgiões-dentistas, além da diretoria e colaboradores da APCD e Woson Latam.

Foi um sucesso! O palestrante, sócio remido da APCD, foi recebido com carinho e entusiasmo pelos colegas de profissão. Depois da palestra houve um congraçamento muito descontraído e festivo.

O palestrante abordou suscintamente os paradigmas históricos pelos quais a Odontologia passou, desde Pierre Fauchard (1678 – 1761), considerado o “pai da odontologia moderna” por ter escrito a primeira obra, “Le Chirugien Dentiste”, sobre anatomia oral, sintomas de patologias bucais e técnicas de remoção de cáries, restauração e implante de dentes. Fez breve abordagem de outros paradigmas, entre eles a criação da anestesia por Horace Wells, até chegar ao atual modelo de Controle de Infecção em ambientes de Saúde, criado por Ito & Lima, o “Sistema B.E.D.A. – Barreira, Esterilização, Desinfecção e Antissepsia – de Controle de Infecção”, temática central de sua palestra.

Abordou com muita propriedade a importância da nova categoria de autoclaves Classe B Pré-Vácuo como uma evolução importante de um dos elos da corrente de proteção dos usuários e pacientes – a esterilização – em ambientes de tratamento de saúde, onde se potencializa o risco de contaminação.  

As autoclaves Classe B Pré-Vácuo – com injeção direta de vapor em câmara de inox pré-aquecida e que operam com 3 pré-vácuos próximos de 1 Bar negativo antes da fase de esterilização aos 121º°C ou 134°C, durante 4 a 18 minutos, conforme programa selecionado, seguida de secagem a vácuo – representam um novo paradigma nos processos de esterilização.

Aprofundou aspectos basilares de um Protocolo de Biossegurança recomendável pelo Sistema B.E.D.A.: planejamento de centros de esterilização, circulação de materiais contaminados e esterilizados, sua desinfecção, lavagem, secagem, inspeção visual, esterilização e armazenagem.

Encerrou a palestra reiterando que um controle eficiente de infecção é sistêmico, exige um protocolo rigoroso de procedimentos, o uso da autoclave correta inclusive, e nenhuma de suas etapas pode ser negligenciada, sob pena de perder sua eficácia, deixando, como última mensagem, o alerta: “Cuidado: a mão que cura pode ser a mão que contamina.”

A Woson teve oportunidade de apresentar a todos sua linha de lavadoras ultrassônicas Collin, seladora Selina, destiladora Drink10, lubrificadora Lub909, autoclaves Tanda Color e Tanzo Touch, equipamentos indispensáveis para a prática de um protocolo de biossegurança completo. 

Foi uma noite memorável, oportunidade de aprendizagem e congraçamento entre todos.

 

Jornal APCD - Ribeirão preto

APCD - Ribeirão Preto