New Selin
New Selin
  • Seladora térmica, com qualidade Woson, no modelo New Selin, é indicada para soldar papel grau cirúrgico, indispensável nos Centros de Materiais e Esterilização (CME).
  • Cantos arredondados, design moderno e excelente acabamento.
  • ABS alto impacto. Feita para durar. Intuitiva. Fácil de usar. Economiza espaço.
  • Haste guia metálica e berço para acomodação do rolo de papel grau cirúrgico.
  • Alavanca ergonômica favorece a selagem uniforme em toda a área de aderência.
  • Sistema anatômico, corte suave e preciso no sentido esquerda e direita.
Características
Especificações
Como Usar
Saiba +
  • Selagem absoluta com área de aderência de 12 x 285 mm.
  • Guilhotina e resistência embutidas propiciam mais segurança ao usuário.
  • LED’s indicadores de aquecimento (verde) e fim de selagem (amarelo).
  • Sistema de proteção e desligamento automático quando em inatividade.
  • Temperatura constante para evitar risco de queimadura.
  • Sistema de selagem operado com potência 100W.
  • Indicação luminosa de início e fim do processo de selagem.
  • Alerta de erro quando operada indevidamente.
  • Não requer instalação, apenas alimentação da rede elétrica.
  • Voltagem e frequência: 220v ou 110v 50Hz~60Hz
  • Potência: 100w
  • Temperatura de vedação: 200°C ±10°C
  • Extensão máxima da selagem: 285mm
  • Largura da selagem: 12mm
  • Peso líquido: 4,2kg
  • Peso bruto: 4,8 kg
  • Dimensão do Produto: L450 x P320 x A170mm
  • Dimensão da Embalagem: L490 x P380 x A210mm
  1. A Seladora New Selin é um produto inteligente, intuitivo e muito fácil de usar.
  2. Antes de ligar sua New Selin, verificar se a tensão da rede é 110V ou 220V e conferir com a tensão da Seladora.
  3. Depois de ligada à rede elétrica, uma luz verde da New Selin acende e começa a piscar indicando aquecimento durante cerca de 3 minutos.
  4. Quando a luz verde parar de piscar, a selagem pode ser realizada.
  5. Acionar a alavanca de selagem em torno de 3 segundos. Quando a luz amarela estiver acesa, a selagem está pronta.
  6. Com o papel preso, mover a lâmina suavemente, de forma firme e contínua, no sentido esquerda-direita ou vice-versa para cortar o papel grau cirúrgico.
  7. O papel grau cirúrgico deverá estar com a lâmina transparente para cima.
  8. O sistema de proteção entra em ação automaticamente depois de cerca de 30 minutos em inatividade.
  9. Para voltar ao funcionamento normal, reiniciar o processo, acionar a chave geral e aguardar a luz verde parar de piscar.
  10. Para fazer limpeza de manutenção, desligar o equipamento, usar pano macio levemente embebido em detergente neutro para limpar a superfície de ABS.
  11. Cuidar para o líquido não penetrar em hipótese nenhuma no produto.
  12. Se houver dúvida, entrar em contato com o fabricante ou revendedor autorizado imediatamente.
  13. Não desmontar e ou reparar por mão de obra não autorizada, em nenhuma hipótese ou situação, sob pena de perder a garantia.
  1. O Papel Grau Cirúrgico é a opção preferida para embalar objetos menores, muito utilizado em Odontologia, laboratórios, centros de saúde e clínicas integradas. É feito de uma película de poliéster-polipropileno transparente, com 96% de eficiência contra a passagem de micro-organismos, e outra lâmina de fibras de celulose, com gramatura entre 60-80gr/m², pH neutro e micro porosidade controlada, alto grau de resistência mecânica e pureza, sem presença de agrotóxicos, ideal para penetração do agente esterilizante e eficiente barreira contra penetração de micro-organismos.
  2. A selagem correta é um item importante do POP – Procedimentos Operacionais Padrão preconizado – preconizado pela Anvisa, porque um pacote malfeito, mal selado, com soldas fora do padrão de qualidade, não preserva a “esterilidade” do material autoclavado.
  3. Quando o material for colocado dentro do envelope, antes da selagem final, cuidar que haja uma margem de segurança de sobra nas bordas, para o papel grau cirúrgico não ficar tenso e ‘dessoldar’ durante o processo de esterilização.
  4. Colocar instrumentos perfurocortantes de forma a que pontas e fios-de-corte não firam e rompam o papel durante o processo de autoclavagem, transporte, armazenagem e colocação em reuso. Uma alternativa é proteger pontas e cortes.
  5. É importante também, quando mais de um instrumento são colocados no envelope, posicioná-los de jeito a que não se danifiquem cortes e pontas.
  6. Sugerimos consultar o Blog da Woson onde há vários artigos sobre o tema, que complementam as dicas acima.
Decreto Municipal de Ribeirão Preto Nº118 - 24 de maio de 2021 Links Úteis